Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Já não sou a pobre amante,
Perdida em vãs ilusões,
Sou o fogo ardido, errante,
Consumindo as paixões.!

Já não temo, o infortúnio,
Dos outros, nem o azedume,
E em meu peito, se apaga
A fogueira do vil ciúme!

Quem quis destruir a magia,
De um sentimento, tão terno,
Irá pois, consumir-se um dia,
Nas fogaças do Inferno!

Já não me sinto insegura,
Dos sentimentos que gerei,
Pois dei-os de forma pura,
Áquele a quem me entreguei!
Aguarela Matizada
Enviado por Aguarela Matizada em 07/10/2006
Reeditado em 03/01/2010
Código do texto: T258246

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aguarela Matizada
Brisbane - Queensland - Austrália, 57 anos
266 textos (10830 leituras)
8 áudios (206 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:11)
Aguarela Matizada