Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CASCATA

Você vem, depois de percorrer um outro caminho,
em queda de águas saudosas que desabam
em mim como longos beijos ruidosos.
Aguardava a sua volta.
Recebo-a , feito um lago complascente,
uma boca sedenta,
limitada pela minha carcaça dura e fria,
igual a natureza do tempo,
são as pedras que cercam o lago,
que tentam domar discretamente
seu desejo incontrolável de partir novamente.

Quero seus pensamentos refletidos em espelho d’água,
Balançá-los no meu colo,
acelerá-los com meus beijos
e detê-los em sua fuga.
Guardar a vitalidade de sua queda pela procura frenética,
no labirinto de desencontros das minhas águas serenas.
Naldo Coutinho
Enviado por Naldo Coutinho em 09/10/2006
Reeditado em 01/02/2007
Código do texto: T260452
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Naldo Coutinho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
111 textos (6977 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:48)
Naldo Coutinho