Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minuto último

É certo que meus olhos vêem
O que os teus há muito não enxergam
O fim que essas retinas lêem
Ao inconsolável coração revelam

Esta morte anunciada e triste
Chegou junto com a primavera
Desprovido, ao inverno o amor não resiste
E a nobre esperança cansou-se da espera

Soprou o vento frio da solidão
Desmontando peças do final feliz
Armário vazio, incompreensão
Lembranças acalentam recordações sutis

No minuto último que precede o adeus
Entrecortado por soluços e suspiros
Sinto em meus lábios os lábios seus
E em meu peito o desabrochar dos lírios
Bia Mendonça
Enviado por Bia Mendonça em 10/10/2006
Reeditado em 28/08/2007
Código do texto: T261244
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Bia Mendonça
Goiânia - Goiás - Brasil, 37 anos
32 textos (5017 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:10)
Bia Mendonça