Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A tua beleza

O sol de vergonha se pôs mais cedo,
a lua, entre as nuvens se escondia em segredo.
Tudo isso aconteceu quando deste o ar da tua graça
a partir desse dia meu coração caiu em desgraça.

Já que nem em sonhos eu a terei,
em segredo a amarei.
Es um anjo que do céu desceu
e reluz diante dos olhos meu.

Nunca vi tamanha beleza
de inveja morre a mãe natureza.
Em paz eu não conseguirei viver
se em seus braços eu não adormecer.

Enquanto a lua te observava
em forma de brisa brandava:
-irei perder meu lugar,
contra aquela beleza não posso lutar...

Thiago Maia
Enviado por Thiago Maia em 17/10/2006
Reeditado em 17/11/2006
Código do texto: T266726
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Thiago Maia
Recife - Pernambuco - Brasil
3 textos (188 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:48)
Thiago Maia