Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu primeiro amor.

Trinta de abril que esse fato aconteceu:
Dentro da escola, eu pedi um beijo.
Morena não me deu.

Disse que não era ali um bom lugar.
Voltei pra classe, feliz da vida a pensar.
Que o meu coração podia ser todo seu.
E porquê não, o seu coração ser meu?

Fui saindo contente, você na escada vi.
Estava com sua amiga me esperando a sorrir.
Tinha a festa do asilo, me convidaram para ir.

Saimos contentes, alegres a caminhar.
Quando chegamos na festa, ficamos a conversar.
Sua amiga saiu, eu pedi pra te beijar.
Você resistiu um pouco, mais deixou ele rolar.

Morena aquele beijo, nunca mais vou esquecer.
Guardo ele na memória,
Até na hora em que eu morrer.
Morena só Deus sabe!
Só Deus sabe como foi.
Como foi que surgiu,
Esse amor entre nós dois.

             P.H.S.
Pedro Henrique Sabater
Enviado por Pedro Henrique Sabater em 29/10/2006
Código do texto: T277085
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Henrique Sabater
Wenceslau Braz - Paraná - Brasil, 30 anos
417 textos (61778 leituras)
1 áudios (14 audições)
1 e-livros (190 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:19)
Pedro Henrique Sabater