Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MISCELANEA

"Eu busquei a palavra mais certa,
pra te ver aqui.
Pois, eu sou criança e não posso fingir
que você é a saudade que eu gosto de ter.
Foi Deus que fez o céu...
e eu fiz da rua escura,
um pedaço de lua pra te iluminar.
E indo em busca de seu vulto,
sonho um sonho de adulto
e me perco nos seus passos...
Não estou bem certa,
se ainda vou sorrir
nessa vida tão sem amor
que aprendi.
Pois, só encontro gente amarga
mergulhada num passado,
de gritos e gestos...
E num jogo de culpa que faz tanto mal;
Eu não quero a razão,
pois, preciso de você.
E no entanto,
esqueci de tentar te esquecer.
Foi Deus que fez o amor,
pra nascer eternidade num momento de carinho!
E há um lado carente dizendo que sim...
A vida gritando que não.
Mas, foi Deus que fez a gente
somente para amar!...
Foi Deus que fez você
para o meu jeito meio estúpido de ser e de lidar...
Mas, se voltar,
não faça espanto,
pois, eu pensei que pudesse te esquecer...
Aquele sentimento ilhado,
morto e amordaçado
que agora volta a incomodar.
E quando penso em você,
fecho os olhos de saudade,
pois, só assim,
sinto você bem perto de mim,
outra vez."
Arthemis
Enviado por Arthemis em 30/10/2006
Código do texto: T277585
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arthemis
Volta Redonda - Rio de Janeiro - Brasil
94 textos (2914 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:24)
Arthemis