Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Odeio sentir o que eu sinto

Odeio o seu olhar suave quando encontra os meus
Odeio o seu jeito de me fazer carinho e me chamar de anjinho
Odeio o seu jeito quieto e misterioso, que me atrai de um jeito que não consigo me livrar
Odeio o perfume suave do seu corpo, que me faz esquecer de outras coisas
Odeio suas mãos, e o jeito que elas me acariciam
Odeio a sua voz de anjo e do jeito que ela me chama a atençao
Odeio o jeito que você  me mima, e me faz sentir a pessoa mais importante para você
Odeio os seus lábios quando encontram os meus, depois de um breve olhar doce e carinhoso
Mas de fato o que eu mais odeio,
È te amar e não saber te esconder isso
Do jeito mais  limpo e puro de se amar um alguém,
Mas o que eu mais odeio!
 Odeio!
É de sentir o que eu sinto,
O medo de te perder,
E não ter mas você e o seu amor perto de mim.
charlana thurler
Enviado por charlana thurler em 05/11/2006
Código do texto: T282660
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
charlana thurler
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 27 anos
8 textos (694 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:36)
charlana thurler