Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MTP

Prometo-te vingança,
Por falsa esperança,
Que me despertavas,
Quando dizias que me amavas.

Prometo-te vingança,
Pela provocada fumança,
Aonde fogo não podia existir,
Só porque não podes resistir,
Ao teu amor vagabundo,
De cunho e fundo imundo.

Prometo-te vingança,
Pela minha lembrança,
Dos teus olhos mentindo,
E teu corpo me evitando.

Prometo-te vingança,
Pela perdida bonança,
Pela invasão dos meus sentimentos,
E a plantação de tormentos.

Prometo-te vingança,
Tal impiedosa carraça,
De rara raça,
Seguir-te no oculto,
Chicoteando vosso vulto.

Prometo-te vingança,
Porque é a minha justiça,
Aos teus intentos malvados,
E aos meus sofrimentos calados.
DerAlter
Enviado por DerAlter em 07/11/2006
Código do texto: T284333
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DerAlter
Angola
18 textos (634 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:00)
DerAlter