Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lembrança.

Sentado no velho banco
Com os olhos quase em pranto,
Do lado de minha paixao.
Lembrando do começo,
Quantos tombos e tropeços.
Olha agora o que tenho meu irmão!

Tenho o lar cheio de amor.
Quantos pingos de suor,
Gastamos nessa construção.
Nosso caminho foi sofrido,
Um tanto dolorido.
Mas nunca acabou a paixão.

Agora olho em teus olhos,
É verdade até choro!
Não é arrependimento não.
É por vê-la assim contente,
Por saber que ainda sente,
Por mim grande paixão.

          P.H.S.
Pedro Henrique Sabater
Enviado por Pedro Henrique Sabater em 07/11/2006
Reeditado em 19/12/2006
Código do texto: T285078
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Henrique Sabater
Wenceslau Braz - Paraná - Brasil, 30 anos
419 textos (61810 leituras)
1 áudios (14 audições)
1 e-livros (190 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:43)
Pedro Henrique Sabater