Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Primeiro amor.

O seu olhar me pegou de surpresa,
e o meu resolveu ao seu encontrar,
nunca havia visto tanta beleza,
nunca havia visto tão lindo brilhar.

Primeiro contato, mesmo que sem razões,
os primeiros passos que dei em direção a você,
as primeiras palavras, as primeiras emoções,
que eu não acreditava um dia viver.

Estava amando mesmo que de inicío sem saber,
por mais que tentava, impossível disfarçar,
mas naquele momento admirar você,
era tudo o que eu conseguia pensar.

Enfim a coragem, em suas mãos eu peguei,
felicidade na face estampada,
tão firme que eu te segurei,
já pressentia, que seria minha amada.

E realmente aconteceu,
dois corações em uma única vida viver,
um amor tão seu quanto meu,
um amor que esperamos dia-após-dia se fortalecer.

Enquanto você dorme, continua fiel a você o meu olhar,
quando você fala, meus ouvidos a lhe escutar,
quando triste meu ombro a lhe consolar,
e enfim meu abraço para lhe confortar.

Hoje eu não sou mais sozinho,
assim como um jardim em flor,
terás para sempre meu carinho,
para lembrar sempre do meu primeiro amor.
Anderson Vieira Dias
Enviado por Anderson Vieira Dias em 12/11/2006
Código do texto: T289595
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Anderson Vieira Dias
São Paulo - São Paulo - Brasil, 31 anos
72 textos (3821 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:40)
Anderson Vieira Dias