Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUERIA TE DAR O MAR

Se eu pudesse te daria o mar...
O mar, aonde distribuo beijos ao vento
Àquele das minhas lágrimas derramadas
Do oceano dos meus olhos, tão ausentes

O mesmo mar dos meus castelos de areia
Construídos à luz do sol a pino
O mar das muitas maresias
De ondas frescas e alternadas

O mar dos encontros com a brisa
Onde a praia espraia-se pela areia
O mar do meu horizonte distante
Escondido na moldura de nuvens azuis

Amado mar, onde guardo nossos segredos à sete-chaves
Nos arrecifes amornados que submergem das águas
O mar dos meus sonhos e das antigas ilusões
Que foram esquecidas pelo tempo perdido nos dias

O mar com  seu encantado mundo submarino
Onde habitam sereias e cavalos-marinho
O mar, sinônimo de Iemanjá, rainha do mar
Onde o horizonte abriga o crepuscular mais belo

Lá, onde as ondas bailam ao som do chuá-chuá
E a maré quando sobe leva tudo embora
O mar que ajunta grãos de areia pela orla
Sem macular sua beleza, todo dia e toda hora

Esse mar, fonte da inspiração mais bela
Que somente proporciona calmaria
No momento das nossas lembranças redivivas
Desse amor, meu e teu...Ave, Maria!
Laura Limeira
Enviado por Laura Limeira em 14/11/2006
Reeditado em 03/03/2007
Código do texto: T291569
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Laura Limeira
Recife - Pernambuco - Brasil
62 textos (3169 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:22)
Laura Limeira