Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não Aprendi a me Render. . .

É a verda o que assombra,
O descaso que condena,
A estupidez o que destrói...

Eu vejo o que se foi
E o que não existe mais.
Tenho os sentidos já dormentes,
O corpo quer a alma entende...

Não me entrego sem lutar-
tenho ainda coração
Não aprendi a me render...

Consegui meu equilibrio contejando a insanidade,
Tudo está perdido mas existem possibilidades...

Antes eu sonhava,agora já não durmo,
Não entendo o egoismo, falavamos de amizade...

Não acredito em nada além do que duvido
Não vou brigar por causa disso,
Até penso duas vezes se você quiser ficar...

Minha laranjeira verde, porque está tão prateada?
Foi da lua dessa noite,
Do sereno da madrugada...

Enquanto o tempo segue em frente,
Com toda calma do mundo...
Victor Estevam
Enviado por Victor Estevam em 17/11/2006
Código do texto: T294109
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Victor Estevam
São Paulo - São Paulo - Brasil, 24 anos
12 textos (745 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:44)
Victor Estevam