Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha mãe

Não sou poeta
Muito menos compositor
Mas gosto muito de falar da vida
E repassar todo o meu amor

Por isso estou aqui agora
Pra conversar com você
E falar de um amor que tenho
Muito antes de eu nascer

Quando eu era apenas um feto
Nadando no líquido amniótico
Minha mãe já cuidava de mim
E me amava de qualquer modo

Então fui surgindo
Pequeno, indefeso, inocente
E a primeira coisa que vi
Foi um rosto sorridente

Minha mãe olhava pra mim
E sorria de alegria
O filhinho dela tinha nascido
E agora minha vida seguia

Então chorei, chorei muito
Mas não era de tristeza
Era de alegria
Um novo mundo se abria

E hoje estou aqui
Saudável e feliz, como todos devem ser
E devo tudo a minha mãe
Obrigado por ter me feito nascer

Te amo muito, e não tenho vergonha de demonstrar
Um amor tão puro, e tão bonito
É impossível de se segurar
E mais impossível ainda de se evitar

Eu te amo mãe, digo mais uma vez
Obrigado por tudo até hoje
Sim, vou agradecer mais uma vez
Vou agradecer quantas vezes precisar

Mãe, por toda minha vida vou te amar.
Marcus Vinícius
Enviado por Marcus Vinícius em 02/07/2005
Código do texto: T30270
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcus Vinícius
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 27 anos
12 textos (3298 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:27)