Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aproximações

Meu coração é todo-lágrimas,
que de incertas aproximações
em desmedidas alegrias
torna-se em fardos todo-sorriso.

Ela em sua alegria é o Sol;
para alcançá-la, mil vales
atravessados poderão deixar de ser luz?

Olhando para trás sou sombra:
olhando nesses olhos radiantes,
não posso deixar de ser luz.

Outra vez a história se repete:
arriscamos nossos corações ao fogo, e
de tanto que nos recordamos um do outro,
poderemos existir senão juntos?

Meu coração é sol, quando
as incertas aproximações
são desmedidas alegrias
em proximidades todo-sorriso.

Ela em sua radiância é a Luz;
meus vales atravessados são
agora de alegria transbordados.

Sou sombra se olho para trás:
não posso deixar de ter luz
se meus olhos clamam tua luz.

Esta história nos repete:
arriscamos nossos corações ao fogo, e
de tanto recordarmos um do outro,
apenas existimos por existirmos juntos...
ErlKoenigKunstler
Enviado por ErlKoenigKunstler em 29/11/2006
Reeditado em 02/12/2006
Código do texto: T304445

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Carlos do Carmo Guimarães, www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ErlKoenigKunstler
Santo André - São Paulo - Brasil
74 textos (3066 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:43)
ErlKoenigKunstler