Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FALA-ME DE AMOR


FALA-ME DE AMOR
(Rogério Martins Simões)

Fala-me de amor - disseste,
quando nos recantos dos jardins
 as barreiras nos impediam de pisar a relva.
Rompiam as memórias
 e um ligeiro vento arrastava as folhas secas do velho plátano.
Era tão tarde… e ainda agora despontavam as histórias...
Olhei sem desvario.
Antes, quando me debruçava no teu peito,
 eras rio,
 eras só rebuçado!
 E trazíamos nos pés alpercatas,
 com asas,
que reluziam por cima dos muros
 e o chão era mais leve que o algodão…
Sabes?
A cidade fede devaneios
 e as árvores crescem nos telhados das casas.
Não te vou falar de amor, não!
Reservo para mim as sensações dos velhos tempos.
 Agora, restam umas quantas folhas que vêm ter comigo.
Somos dois silêncios!
Dois estranhos castanheiros perdidos na cidade.
01-02-2006.
http://poemasdeamoredor.blogs.sapo.pt



Romasi
Enviado por Romasi em 30/11/2006
Código do texto: T306189

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Romasi
Portugal, 67 anos
29 textos (3795 leituras)
9 áudios (510 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:22)
Romasi