Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apenas palavras

Descrevo
as linhas desse perfume
enrodilhado no agradecido olfato
que de fato me envolveu

Em cada esquina do teu corpo
te encontro sem atraso
Como líquor que a sede escorreu
Deslizando por entre madrugadas
Amanhecendo sonhos
Vivendo vidas
Escolhidas a quatro mãos

No diálogo dos gestos
Enquanto o tempo parou
disse-me teu tato:
és-me toque do sentido vasto
neste alabastro por onde
o medo evolou
leandro Soriano
Enviado por leandro Soriano em 24/07/2005
Reeditado em 03/02/2014
Código do texto: T37303
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
leandro Soriano
Santos - São Paulo - Brasil, 59 anos
199 textos (8366 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:06)
leandro Soriano