Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como se fosse

Como se fosse a brisa
que calada refresca a sensatez
dos meus tantos "não"...
Como se fosse a bruma
que esconde a lágrima
a emoldurar minha solidão...
 
Como se fosse a gota
do licor precioso
que deixaste nos lábios meus...
Como se fosse a saudade
de palavras mortas
no nosso longínquo adeus...
 
Como se fosse a febre
do desejo recolhido
numa noite qualquer...
Como se fosse a ânsia
de algo mais sublime
do meu eu Mulher...
 
Como se fosse a vida
desabrochando cores
neste meu jardim...
És a recordação mais terna
em meio a outras tantas
que ainda restam em mim.
Cleide Canton
Enviado por Cleide Canton em 25/07/2005
Código do texto: T37537
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cleide Canton
São Paulo - São Paulo - Brasil
77 textos (3241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:03)
Cleide Canton