Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nunca me esqueças



Se fui
tua musa
ou tua deusa,
tua luta
ou tua fortaleza,
não me esqueças.

Se fui
a luz
do teu olhar
ou a rima
do teu versejar,
não me esqueças.

Se fui
o refrão
da tua melodia,
o despertar
do teu dia,
não me esqueças.

Se fui
o cobertor
para teu frio,
a causa
do teu desafio,
não me esqueças.

Se hoje sou
o perfume
que não te inebria,
a brisa
que não te acaricia,
a bebida
que não te sacia,
a beleza
que já fui um dia,
mesmo assim
nunca te esqueças de mim.
Cleide Canton
Enviado por Cleide Canton em 10/08/2005
Código do texto: T41657
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cleide Canton
São Paulo - São Paulo - Brasil
77 textos (3241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:17)
Cleide Canton