Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ainda o beijo

Olhos do passado
mãos seduzidas
nesse amor escorregadio

Festa de sussurro grácil
tranquiliza movimento das emoções
envoltas em horas eternas
abraçadas aos beijos
que tento matar em mim
e que renasce em línguas vivas
mais viva que um caminho sem fim

Após alimentado de ansiedade
Vejo o céu tão perto
descobrindo-me de sombras

As horas do relógio passam tristes
Volteiam o mesmo adeus
ponteando de segundos
os relâmpagos de cada instante fugidio

Noite iniciada nos teus olhos
tem brilho distante e manso
Guardo tua calma
na mesma gaveta
onde esqueço meus pecados
leandro Soriano
Enviado por leandro Soriano em 23/08/2005
Reeditado em 03/02/2014
Código do texto: T44603
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
leandro Soriano
Santos - São Paulo - Brasil, 59 anos
199 textos (8370 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:05)
leandro Soriano