Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coração de mulher

À amiga Márcia


O coração de uma mulher,
Abismo que não se margeia,
Terreno que não se mapeia
Vento a soprar  onde  quer.

Trilha que não se caminha,
Vendaval que não se estanca,
Tormenta que não se contenta
E estrada que ninguém anda.

Mais que a dor e que o sofrer,
É veneno a matar sem doer
E serpente que tanto engana,

De agonia e de esperança,
É o céu que tanto fascina
E o inferno que me encanta.

Do livro Fogo de Lua & outros poemas.Recife:UBE/PE,2004,p.67.

PS: Todos os meus poemas estão devidamente registrados no escritório de direitos autorais da Fundação Biblioteca Nacional/Rio de Janeiro/Brasil

odmar braga
Enviado por odmar braga em 14/09/2005
Reeditado em 14/09/2005
Código do texto: T50288
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
odmar braga
Paulista - Pernambuco - Brasil, 64 anos
29 textos (23898 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:29)
odmar braga