Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aprendendo a amar


Por muito tempo, confesso, amaldiçoei seu amor,
Pelo desamor nele contido, por sua imensa perfídia,
Por tantos carinhos negados, pela indiferença a minha dor,
Por tantos beijos roubados, e a meus apelos sua desídia.

Desiludido, jurei a mim mesmo nunca mais amar.
Prometi-me esquecê-la, prometi nunca mais vê-la,
Perdi-me em meus descaminhos, sem rumo, sem lar,
Em noites escuras, sem nem ver o brilho das estrelas.

E hoje, quando encontro em outros braços os abraços
de amores que me dão chorando o que negou sorrindo,
agradeço-lhe por tanto desamor, em cada verso que faço:

encontrei a paz que mereço, sem requerer, no ato de dar,
sentido inverso ao que dizia, por certo, o amor é lindo.
Com seu desamor que agradeço, você me ensinou a amar!
LHMignone
Enviado por LHMignone em 21/09/2005
Reeditado em 14/10/2013
Código do texto: T52433
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LHMignone
Mimoso do Sul - Espírito Santo - Brasil
1319 textos (203225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:52)
LHMignone