Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em teu dia, Vênus!!!


Perdoa-me, Vênus querida, se hoje, no que chamam teu dia,
Não te cubro de versos, de cantos, sonetos, odes e de prosas,
E me apresento a tua frente, simples, despido de hipocrisia,
Porém com todo meu amor, ofertando-te uma única rosa:
Se o oito de março, dizem, representa o dia de luta pela igualdade,
Pensa bem, em muito estão errados tais propósitos e atitudes,
Pois esta luta comum, minha e tua, tem que ser pela liberdade,
De seres o que realmente és: MULHER em toda tua plenitude.

Não te iguales aos homens, travestindo-te de rígidos músculos,
Não permite que se perca tua doçura, tua paixão, sensibilidade,
Sê, ao invés do sol inclemente a pino, a tepidez do crepúsculo,
Preserva a qualquer custo teu bem maior: tua doce feminilidade.
Realça ainda mais os atributos que te fazem única, obra prima,
Sê mãe, irmã, amiga, namorada, companheira, amante, ternura,
Sê guerreira, cidadã, força, raça e tudo mais que o amor exprima,
Mas não desças ao nível dos homens, deles não assimiles a loucura.

Ocupa no mundo o espaço que tua imensa capacidade te destina,
Não te preocupes em estar à frente, mas, ao invés, esteja ao lado,
Mais valor tem quem bem aconselha do que quem mal determina,
Não te juntes a nós, não nos permita continuar fazendo errado.
Assim, mulher amada, Vênus, minha musa, pelo tanto que te amo,
Por tudo que és, que admiro, reconheço e exalço em minhas poesias,
Hoje não é um dia especial, é um dia comum, por isto não declamo,
Pois, para mim, de minha vida, a cada segundo... todos são teus dias.
LHMignone
Enviado por LHMignone em 21/09/2005
Reeditado em 19/10/2013
Código do texto: T52471
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LHMignone
Mimoso do Sul - Espírito Santo - Brasil
1319 textos (200600 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 15:04)
LHMignone