Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AHhhh ! MEU HOMEM ..!


Amante  tua eu sou,
Para mim  não  existe dia,
Existe  sim   dentro  de mim,
Esta  tremenda agonia...
Agonia  em  não   te  ver,
Passam-se as noites , findam-se os dias,
Eu  estou aqui  te  esperando,
Morrendo  de  amor , dia  a  dia...
Amante amado meu,
Quis o  destino  nos separar
Mas, nem mesmo  o  Destino,
Vai  conseguir  nosso Amor acabar...
Você aí e  eu  aqui,
Parecemos  dois  delinqüentes,
Ambos  de  Paixão  pelo outro morrendo,
Com uma  fria  tela a  nos  separar,
Com tanta  ardência  a nos  queimar...
Nossos corpos  separados,
Mas  nossas mentes unidas  estão,
Por  este elo   para  sempre, Acorrentados,
Ambos morreremos  de  tanta Paixão...
Palavras  não  foram  ditas,
Atos virtualmente  vivenciados,
Mas  amor louco,
febril  em  tantos  versos colocados,
Dispensa  até o  ato ,de  ser plenamente  realizado...
Sei  que dói  viver  assim,
Uma Dor  tão profunda,
Parece um   câncer  me corroendo até o  fim,
Mas, saibas com   toda  certeza ,
NADA  e nem NINGUÉM,
Conseguirá  separar  você  de  mim...
 
 
 
NITERÓI - RJ
 
Respeite os  Direitos  Autorais
 
 
 
GRAÇA da PRAIA das FLECHAS
Enviado por GRAÇA da PRAIA das FLECHAS em 22/09/2005
Reeditado em 24/09/2005
Código do texto: T52821

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (não a modificar em nada ,Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
GRAÇA da PRAIA das FLECHAS
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
538 textos (132956 leituras)
36 áudios (30833 audições)
1 e-livros (167 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:39)
GRAÇA da PRAIA das FLECHAS