Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não hei mais de amar

Não hei mais de amar
Cansei-me de estar
Sempre apaixonado
Com os sentimentos
A aflorar-me pela pele
E sempre a terminar
Assim, por sofrer.
Não hei mais de amar
Enchi pois, meu coração
como ar gélido
Da solidão
E lá também tranquei
Os meus sentimentos
Para que não me ocorra
De vir a ser
Por mais uma vez
Prisioneiro deles.
Não hei mais de amar
Porque deveras vezes
O fi-lo, e acabei-me
Assim, na angústia e
Solidão, e em todo
O seu significado
Nesta sofrequidão
Que me maltrata.
Não hei mais de amar
Porque hoje me vejo assim
No auge de minha mocidade
Com toda a saúde e
Virilidade cabida a
Uma única pessoa;
Todavia, terrivelmente trites
E numa solidão tal
Nunca antes sentida
Diogo Zanon França
Enviado por Diogo Zanon França em 01/10/2005
Código do texto: T55292
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diogo Zanon França
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 34 anos
30 textos (2094 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:38)
Diogo Zanon França