Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fui teu!

Ver-te repousar,
O corpo nu, sereno,
Intrépido após as carícias.
Formas, relevos, delícias.
Contemplar o belo, o lindo.
Úmido após o calor
Bebi do teu licor
Prazer multicor
Néctar que me sacia
Embriaguei-me com doce sabor
Orvalho, aroma mágico
Confuso com o cheiro do intenso amor

Foi-se à noite
Veio à aurora
Fui teu sem pudor, minha senhora.
FÁBIO BARBOSA
Enviado por FÁBIO BARBOSA em 03/10/2005
Reeditado em 03/10/2005
Código do texto: T56011

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FÁBIO BARBOSA
Olinda - Pernambuco - Brasil, 37 anos
120 textos (7815 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:13)
FÁBIO BARBOSA