Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma Rosa, com carinho!

Tentei me encontrar em algum lugar
Onde você pudesse estar ao meu lado
Me dizendo o que fazer, me dizendo o que querer
Me dizendo: "Estou com você!"

Eu tentei entender, eu tentei perceber
Porque você não estava lá, a toda hora, em todo lugar
Eu precisava estar contigo
Para ter prazer em viver
E desafiar o que era proibido
Correr milhões de riscos por você

Estou num navio perdido no mar
Em busca de um rumo à seguir
Só você pode me salvar
Basta dizer para onde devo ir
Você está no farol a iluminar
O caminho para mim
E me guiar até o paraíso
Onde serás as flores do meu jardim

Mas as luzes não acenderam
O que então poderei fazer?
Pois um farol apagado
Na noite escura se esconde fácil
E ao meu redor só há escuridão
Não vejo nenhuma luz, não escuto nenhuma canção
Vou aguardar o amanhecer
Se as luzes não acenderam, um motivo deve haver

E quando chegou o amanhecer
O esperado sol não apareceu
O mar ficou agitado
E o céu escureceu
Sem saber onde te encontrar
Perdido e com frio nesse imenso mar
Tentando imaginar uma forma de me salvar
E para os teus braços navegar

Mas a tempestade que se formou
Nem um pouco se importou com o meu amor
Eu estava tentando achar ali
O rumo certo pra chegar a ti

E a devastadora tempestade
Cruel e sem piedade
Foi um fruto da sua maldade
Me trazendo a dolorosa verdade
Que você não mais se importava comigo
Ao invés de me salvar,me empurrou para o perigo
Não queria mais me dar abrigo
"Desculpe, mas acabou querido!"

E mesmo quando eu estava naufragando
Nem mesmo assim consegui te odiar
Guardei para mim todas as culpas
Te absolvi por me abandonar
Porque nem mesmo assim, consegui deixar de te amar

Quando eu já estava quase inconsciente
Com a morte eminente e me afogando
Avistei um barco com você se aproximando
Linda, toda de branco, um anjo a me salvar
Num último suspiro de vida
Estiquei-lhe o meu braço
E te disse: "Ainda poderemos sonhar!"
E você, irônica, me entregou uma rosa; e falou:
"Desculpe amor, mas não te amo mais
Leve com carinho esta flor
Para o seu túmulo, no fundo do mar!"
Solfieri Jr
Enviado por Solfieri Jr em 08/10/2005
Código do texto: T57840
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Solfieri Jr
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 38 anos
34 textos (5523 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:23)
Solfieri Jr