Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sempre Tem Quem Quer


Outro dia eu espreitava a natureza em seu esplendor,
então observei como o mar era apaixonado pela areia.
Inteligente ele encontrava como demonstrar seu amor,
levando seus beijos em cada onda que tocava a beira.

Ela se achando única, aquele amor até esnobava.
De vez em quando ele algum presente lhe trazia.
Se fosse uma ostra com pérola ela nunca rejeitava,
Mas uma simples conchinha noutra onda devolvia.

Aquela areia se julgava única dona de seus desejos,
mas lá distante havia uma ilha que ao mar adorava
e quando o mar para a areia não trazia seus beijos
era porque lá do outro lado aquela ilha ele abraçava.
                                         jan/2.007
                         Fernando Alberto Salinas Couto
Fernando Alberto Couto
Enviado por Fernando Alberto Couto em 25/08/2007
Código do texto: T622881
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Alberto Couto
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 66 anos
1203 textos (54971 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 12:02)
Fernando Alberto Couto