Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que eu Sinto.

Eu gosto tanto do gosto do teu beijo
Que agosto eu deixo que não exista

E eu adoro quando você não hesita em pensar em mim
E já não existe lugar ruim...

E de braços abertos quero te reencontrar
Pra destruir meu calendário
E derrubar minhas horas

O que eu quero, eu quero agora.
O que eu sinto, eu não te engano.
Você faz parte dos meus planos.

Porque a batalha contra a distância
A minha concordância vai vencer

E eu te imagino, pequenininho nos meus abraços.
E eu suspiro repentino o mormaço.
Da tua respiração.

Por que já não é mais atração.

É algo colorido e perfumado
Que flui por todos os lados.

Vamos fugir daqui e encontrar uma saída pra entrar em nós dois.
Não quero mais nada ficando pra depois.

Eu até caso, sem fazer descaso nenhum.
Da situação...
Por que não há melhor pedido que o atendido
Pelo coração...
                                                           
Ícaro Ianne
Enviado por Ícaro Ianne em 29/08/2007
Código do texto: T629671

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome e sobrenome do autor.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ícaro Ianne
Castanhal - Pará - Brasil, 29 anos
8 textos (679 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 04:37)
Ícaro Ianne