Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMO VOCÊ . . .






amo você, e não vejo ninguém mais;
amo você e é em você que me busco;
definitivamente, se quer saber,
olha, eu amo você...
que, talvez, nem saiba...
que, certamente, nem perceba...,
porque o amor necessariamente
não passeia nem se troca entre dois...
o amor pode estar nos olhos
de quem vê o Sol nascer;
pode estar na vergonha tola
de quem quer se esconder;
pode se encorpar no contacto
distraído e disfarçado
de braços roçando que se tocam...
também pode estar repousado
no som do silêncio;
no meio lençóis e noites;
entre paredes lisas e frias,
e em corpos sedentos e dormentes
de uma espera, sem chegada...
mas um dia, ah, mas um dia,
talvez ou certamente...,
quem sabe... e a esperança é forte:
...quem sabe um dia !!!


(Tadeu Paulo -- 2007-08-30)
Tadeu Paulo
Enviado por Tadeu Paulo em 30/08/2007
Reeditado em 30/08/2007
Código do texto: T630421

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tadeu Paulo
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 74 anos
435 textos (47710 leituras)
2 e-livros (187 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 13:34)
Tadeu Paulo