Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LAÇOS ETERNOS


No teu peito eu me deito.
Corro pra ti e me abres os braços.
Sabes?  Existem laços.
Eternos...
Teus olhos são tão ternos.
Não compreendemos.
Tantas vezes não entendemos.
Existem coisas que não existem para serem entendidas.
Mas para serem sentidas.
Corro para o teu peito, me ajeito.
O mundo ao teu lado é sem defeito.

SONIA DELSIN
Enviado por SONIA DELSIN em 04/09/2007
Reeditado em 08/04/2011
Código do texto: T637744

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SONIA DELSIN
São Carlos - São Paulo - Brasil
4696 textos (80917 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 01:00)
SONIA DELSIN