Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Amor ao Anoitecer

Depois de um dia cansativo, de muita labuta
Como é bom chegar em casa, e se deparar com a amada
Com um sorriso nos lábios e uma suave chamada
Com os braços abertos, e um beijo na chegada.

É no toque dos seus dedos, que me deixo levar
No suave cheiro de seu perfume, que deixas pelo ar
Seus cabelos envolventes, meus dedos a se perder
Quando toco a sua pele, sinto o desejo que vem me acender

Seus beijos tão quentes, me convidam para o amor
Seus olhos, sedutores me perseguem por onde estou
Seus seios, tão singelos, tão doces me deixam tocar
É neles que fixo meu olhar, quando em meu colo estás.

Tal magia não sei dizer, se só chega ao anoitecer
Sei que o amor não têm hora, toda hora quero ter
Se me chegas pela noite, amo até o amanhecer
Se me chegas toda hora, vou-me enlouquecer.
Marcos Lima
Enviado por Marcos Lima em 05/09/2007
Código do texto: T638940

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Lima
Taguatinga - Distrito Federal - Brasil, 43 anos
108 textos (7293 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 15:23)
Marcos Lima