Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Éden

Nesta gélida manhã estou com uma sensação nova, um misto de felicidade e angústia
Essa é a primeira vez que me sinto feliz desde que você se foi
Todos os dias desde então, parece que não consigo morrer
Resta-me uma última missão, uma última batalha

Caminho pelos campos vermelhos de sangue, que lembram minha alma dilacerada em sofrimento
Além do peso de minha armadura eu carrego a amargura de não poder sentir você
Ah Como eu queria te ter. Nem que por um segundo, tocar sua face e sentir seu cheiro
Vivo em trevas apesar das vitórias de minha tropa

Deparo-me com o meu objetivo final, mas não sou apto a este
Não aprendi a lidar com a vida sem você, e isso foi decisivo para cairmos
Estamos agora derrotados, abatidos, liquidados
Sobrevivi até a chegada sorridente de meu algoz

Caminho pelo jardim do Éden, agora cada lembrança sua está mais forte, a beleza de tal lugar só pode ser comparada à de uma pessoa
No fim do jardim está a rosa que atormentava os meus sonhos, mas que agora, repousa bela e serena
Eu a toquei, e como mágica lágrimas rolaram dos meus olhos, agora me deparo com a arvore da vida
Caminho de encontro a ela, perdi o meu corpo, mas minha alma agora descansa em paz junto à minha amada Bela.

                             


                                                                       11/09/07
Marins
Enviado por Marins em 11/09/2007
Reeditado em 15/09/2007
Código do texto: T648432

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marins
Itaboraí - Rio de Janeiro - Brasil, 29 anos
51 textos (1343 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 07:51)
Marins