Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"AMAR ATÉ..."

A escuridão mental, a sina
faz a alma, núa, arrepiar
o orgasmo puro da menina
põe todo seu corpo a chorar

Cara-a-cara, rejeitou a lente
no exato momento da inequívoca dor
entregou-se, louca e indecente
denotando a nudez do seu amor

O que sobrou, foram só restos
de qualquer prisma que queira olhar
nem promessas, tampouco gestos
mudaram sua forma de amar

Gemia, e, aturdida, pairava
viscerando o ventre, sem os seus
orgia, que em mil noites tragava
e sua alma, então, lhe disse adeus !!!

Obra de ficção.
Maceió/AL    2007.

René Cambraia
Enviado por René Cambraia em 12/09/2007
Código do texto: T649667
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
René Cambraia
Maceió - Alagoas - Brasil, 65 anos
1167 textos (55761 leituras)
10 e-livros (656 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 23:55)
René Cambraia