Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POEMA PARA DOIS SONHADORES

Nunca ficamos a sós.
Para sempre nós.
Nunca nos encontramos.
Sempre nos amamos.
Entre as estrelas foram plantados os nossos sonhos.
Os mais loucos, mais improváveis.
Sonhos impalpáveis.
Um dia eu lhe perguntei.
O que somos?
Mais do que depressa você me respondeu.
Dois anjos.
Verdade. Nós somos dois anjos.
Viajamos pela esfera sideral.
Somos o casal mais especial.
Ah, quem me dera!
Colher um pedaço da lua.
Ficar nua.
Nos seus braços me entregar inteira.
Podemos sempre sonhar.
E sonhamos.
Aos devaneios nos entregamos.
Um dia eu me perguntei.
Será que um dia será permitido?
Será que nosso mais lindo sonho será concedido?
Quem sabe!
Então sim nossas bocas se encontrarão.
Nossas mãos deslizarão...
Seremos anjos satisfeitos.
Exangues após o êxtase.
Completamente entregues nas mãos do destino riremos como anjos de um céu particular.
Exaustos depois de provar o que vivemos a sonhar.
SONIA DELSIN
Enviado por SONIA DELSIN em 13/09/2007
Reeditado em 08/04/2011
Código do texto: T650854

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SONIA DELSIN
São Carlos - São Paulo - Brasil
4699 textos (80927 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 21:19)
SONIA DELSIN