Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noturno

Jamais esquecerei, jamais
A ternura contida em teu olhar

Fuja tudo de mim, tudo da minha vida
Que o teu vivido olhar tem luzes imortais...

Bianca!
Teus olhos peregrinos
Meigos, ternos, ideais, translúcidos, divinos
Na lembrança os terei como uma confissão...

(Dorme a noite...
O silêncio espreita meu lucubro...)
E bela, a fulgar-me
Só descubro a lua:
O teu olhar dentro em meu coração...
simplycio Oliveira
Enviado por simplycio Oliveira em 15/09/2007
Código do texto: T654213

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
simplycio Oliveira
Cruz Alta - Rio Grande do Sul - Brasil
4 textos (164 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 17:40)
simplycio Oliveira