Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DOS RISOS E DOS PRANTOS

Como pode, assim, tão de repente,
A mulher que a gente amava tanto
Ficar, pela casa, rindo, nos cantos,
E na cama, virar a bunda pra gente?
Casimiro de Abreu
Enviado por Casimiro de Abreu em 02/11/2005
Código do texto: T66408
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Casimiro de Abreu
Curitiba - Paraná - Brasil, 50 anos
22 textos (4305 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:38)