Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÍNTIMO

Quando ao fitar teus olhos
cintilando
eles choram sem chorar
traindo-te o silêncio
e a recusa,
ouço-os dizer tudo o que não dizes.

E é então que a névoa se levanta
e contemplo a tua alma nua,
tão linda como o corpo
que é teu medo e meu deleite.
 
Em teu olhar me vejo
e ao penetrar em ti
és tu que me penetras.






Leiria, Portugal
Orlando Caetano
Enviado por Orlando Caetano em 05/10/2007
Código do texto: T681561
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orlando Caetano
Portugal
172 textos (15892 leituras)
26 áudios (2971 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 05:21)
Orlando Caetano