Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Acordes

Não me negues o direito de tê-lo
Não pela metade mas inteiro
Fitando o horizonte
Podendo vê-lo na luz que se esvai
Ou na escuridão que vem
Raiar do sol
Semi-abertas as janelas da alma
Fitam minhas verdades
Revelam minhas fragilidades
Sou tua pela metade
Pois que já não sou inteira
A outra parte faceira
Misturada nos teus sonhos
É teu complemento
Eis que já não falta
É continuação
Extensão de mim em ti
Teus acordes em meu corpo
Ouço tua voz em minha mente.
Não me deixes querer-te sem reservas
Esconde teus beijos nas fronhas dos travesseiros
Põe teus segredos nos vasos de flores
Não me negues
Não me favoreças
Dize-me muitas palavras de amor
Mel em nossa aliança de compromisso
Não me reveles a dor
Traze-me tua cor, de céu e de mar
Oh! Quanta falta de ti
Ficam as palavras tentando dizer
O que não se traduz em poesia
Silêncio, dorme o meu amor
Sem mim
Chamo teu nome no jardim
Revelação da tua presença no espinho protetor.
Valéria Britto
Enviado por Valéria Britto em 05/10/2007
Código do texto: T681819

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Valéria Britto
Arcoverde - Pernambuco - Brasil, 44 anos
78 textos (4058 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 19:31)
Valéria Britto