Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÀS VEZES

ÀS VEZES



Por que às vezes, fazemos coisas que não queremos fazer?
A liberdade é a causadora dessa angustia;
Essa escolha é o fruto de meu sofrimento...
Um sofrimento que enaltece a alma,
Mas que machuca o meu coração.
Certas decisões são para sempre!
Ah, se eu pudesse voltar atrás,
Faria tudo novamente!
Tentar ter esquecer é impossível.
Pois está em mim, apenas em mim... a sua imagem.
É difícil acreditar na ilusão “realista”.
Pois a efemeridade do ser é iminente.
Mas para sempre eu sentirei você!
É pouco, mas é bastante para sentir.
É distante, porém é perto de ti.
É doce a saudade que se torna amarga.
Tudo foi feito e não se pode voltar atrás.
Nada mais será como antigamente.
Nunca mais...
Eduardo Cardoso
Enviado por Eduardo Cardoso em 09/10/2007
Código do texto: T687762

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo Cardoso
São Paulo - São Paulo - Brasil, 38 anos
2 textos (112 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 10:22)
Eduardo Cardoso