Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Primavera, amor

Pinto o céu de laranja
Porque vejo além, a cor do fogo que abrasa
Meu coração junto ao teu
Palha e brasa num imenso desejo de fogo
Ardentes corpos que se procuram à noite
Que se encontram no silêncio
Que preenchem o vazio
Encontram-se e separam-se
Em beijos ígneos.
Vejo cerúleo o horizonte
Porque sinto teus olhos em minh’alma.
E tantas nuvens me fazem branca,
Transparente para receber-te
Inteiro e por completo
Todo mãos, pele e desejos
Passeios por entre canteiros
Flores pelos meus cabelos
Perfume nos teus pêlos
Cobertos estamos pela sombra do amor
Lua cinza na janela
Vem a aurora pelos teus dedos
Que passeiam no meu corpo
Silêncio. É noite.
As estrelas luzindo – meu pensamento para você
Estrelas cadentes – meu pensamento procura por você
Farfalham as folhas do meu pé de acácia
Caem pedaços de suas flores
Em minha calçada
Sinto a chegada do dia
Da primavera no meu corpo
Sutis beijinhos aqui e ali
Que me fazem sorrir
Lembrando de paisagens
E passagens do teu amor
No sangue que poetiza as minhas veias.
Valéria Britto
Enviado por Valéria Britto em 17/10/2007
Código do texto: T698250

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Valéria Britto
Arcoverde - Pernambuco - Brasil, 44 anos
78 textos (4058 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 06:45)
Valéria Britto