Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inebrio

que se perdure
esta sede
que embriaga
meus sentidos

e que nos metros
de saudade
que nos separam

minha ponte
encontre
a sua

e no remanso
da aurora
não me fuja
a poesia

Cláudia Gonçalves
Cláudia Gonçalves
Enviado por Cláudia Gonçalves em 29/10/2007
Código do texto: T715479
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cláudia Gonçalves
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 49 anos
82 textos (3611 leituras)
3 áudios (106 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/11/17 05:48)
Cláudia Gonçalves