Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHAR


OLHAR


Olhar
Encontro
Pede passagem
Brilho prata
Acende luz
Reflexo vidraça
Cala o sem jeito
Graceja o inibido
Mergulha vadio
Quebra timidez
Come animal
Sangra punhal
Espinho libido
Rasga as vestes
Enlaça a verdade
Dedilha em Braille
Resvala a pele
Belisca os peitos
Passeia as pernas
Disseca carne
Soluça a vontade
Toma o sexo, desvaira
Devora paixão
Sintonia das vontades
Estrelando nos mares
Cerra no delírio
Tempestade e raios
Suspira pálpebra
Tremulo toma conta
De mim...
Cego-me!

Olhar
Sem esperas
Solto soturno
Em tardes puídas
Acinzenta saudade
Pincela névoas
Têmpera dos outonos
Impõe noturno silêncio
Resmunga perdido, vago
Em face de janela
Murcho, sem lágrima
Sem rega, vidro seco
Ao longe...

Cíntia Thomé
Faz parte do livro da autora Cíntia Thomé - OLHOS DE FOLHA MINHA
pela livraria Saraiva



Direitos registrados- não copie.
Cíntia Thomé
Enviado por Cíntia Thomé em 02/11/2007
Reeditado em 02/06/2008
Código do texto: T720164

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cíntia Thomé
Campinas - São Paulo - Brasil
206 textos (10271 leituras)
56 áudios (3883 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:10)
Cíntia Thomé