Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou afortunado

Olha a bola;
Quica sem parar;
Parece que nunca;
Para de rolar;
Assim como o carrinho;
Todo colorido;
As paredes pintadas;
Deve ter sido divertido;
Tanta bagunça;
Coisas pelo chão;
Tremenda confusão;
Mas é compensador;
O riso franco;
A gargalhada satisfeita;
Pela arte aprontada;
Pela superação alcançada;
Chegar em casa e te ver deitado;
Dormindo e sonhando;
Tão cansado;
Sua mãe dormindo ao seu lado;
Me encostar no batente;
E constatar;
Sou realmente afortunado.
Marco A Gaspar
Enviado por Marco A Gaspar em 03/11/2007
Código do texto: T721387

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco A Gaspar
Guarulhos - São Paulo - Brasil, 45 anos
25 textos (686 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 13:06)
Marco A Gaspar