Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sentindo a primavéra

Estou perdido no tempo
No dia em que te conheci
No dia em que tudo mudou
E me esqueci de mim

Amigos vêm e vão
Palavras são esquecidas
Amores florescem na primavera
E caem mortos no inverno

Espero que não seja assim
Sei que nada é para sempre
Mas não hesitarei em acreditar
Que nosso amor é eterno
E o fim não existe

Me pego velando seu sono
Beijando teu rosto
Sentindo teus prazeres
E me arrependo de não ter dito
Antes de a noite acabar:
                             te amo
Sem Nomes
Enviado por Sem Nomes em 05/11/2007
Reeditado em 28/04/2009
Código do texto: T724257
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sem Nomes
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 29 anos
113 textos (4562 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 02:18)
Sem Nomes