Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR NÃO SE MEDE
Juliana Valis



Amor não se mede por palavras inteiras

Nem por frações inglórias do que seria infinito,

Todo sonho de amar é como um grito

Que transcende o mar, como dor em mil barreiras...




Amor é ápice de um sonho tão incerto

E tão incauto quanto o vôo das verdades,

Sobressalto de longe ou tão de perto

Que o coração se perde em tempestades

Do que seria fé no horizonte tão concreto...




E se no monte da esperança, tudo cede

Como  fonte de um caminho só de estrelas 

Carinho é sorte da virtude que se perde,

Na vida ou morte, no afã de só revê-las...




Amanhã, quero que o céu brinde o amor

Verdadeiramente nobre, vívido e humano,

Transcendendo qualquer réquiem desta dor

De vivermos nesse mundo tão insano.




-----








Juliana Silva Valis
Enviado por Juliana Silva Valis em 07/11/2007
Reeditado em 14/11/2007
Código do texto: T727936

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Juliana Silva Valis
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 33 anos
3973 textos (881859 leituras)
4 e-livros (1863 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 02:34)
Juliana Silva Valis