Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LOUVEM AS ROSAS

LOUVEM AS ROSAS

Lembra-te da rosa envolta em arabescos?
Sem absorver o orvalho,a brisa, o sol enfim
Tornou-se lívida - nada é tão grotesco!
Era a mais bela rosa do jardim.
Mas teu louco ciúme a consumiu
Tu temias a chegada de outros passarinhos
A sorver dela o néctar e ela sucumbiu
Pensa no que ela sentiu sem ter carinhos!

Definhou. Suas pétalas macias secaram,
Marcas a sua face meiga delinearam
E aquela suavidade teve fim

Agora tu vens te penitenciar?
Pois nem reza irei providenciar
Deixa o que restou dela para mim!

Este texto foi alterado graças a colaboração do Mestre Jairo
Nunes Bezerra.
Tânia Mara Camargo
Enviado por Tânia Mara Camargo em 08/11/2007
Reeditado em 08/11/2007
Código do texto: T728338
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Mara Camargo
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 60 anos
508 textos (17504 leituras)
7 áudios (413 audições)
1 e-livros (32 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 17:01)
Tânia Mara Camargo