Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU ABECEDÁRIO DO AMOR


Atentei bem para ti,
Busquei teus olhos sem jeito,
Contudo desviaste o olhar e,
De dor nutriste meu peito.

Enganei-me... tantos anos...horrendo caos!
Fonte de amarga paixão,
Gesto que no acaso,
Humilhou meu coração...

Indiferente...foi assim que retornaste.
Já não contava o tempo, os anos,
Lentamente fizeste esgotar tudo em mim,
Meus sonhos,minhas ilusões, meus planos...

Nenhuma voz.nenhum
Olhar ...nada encontrei e,
Perante tua indiferença ,
Quis não sofrer e, mais ti amei...

Recomeçar na derrota,
Sem mágoa no coração,
Tentei...mas é impossível,
Ultrapassar a razão, pois,
Viver sem sonhar contigo,sem
Xodó, sem ilusão... é pura mentira... é
Zebra total...pura invenção!

Vilma Eugenio
Enviado por Vilma Eugenio em 10/11/2007
Código do texto: T731995

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vilma Eugenio
São Simão - São Paulo - Brasil
36 textos (1589 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 16:13)