Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Por favor,vá agora

 
   O cd. anunciava o que não se queria dizer
   "por favor,não vá ainda"
    ficar,pra que,ir p´ra onde?
    abandonei o corpo no velho sofá,
   e lembrei que era exatamente a hora
    do papagaio do vizinho dar boa noite
    talvez este fosse o encerramento mais poético e patético,
    para nunca dizer:
    "por favor,nâo vá ainda"
    Eu espero por voce.
Sonia Aimée Laupman
Enviado por Sonia Aimée Laupman em 04/12/2007
Código do texto: T764452
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sonia Aimée Laupman
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
60 textos (2192 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 01:55)
Sonia Aimée Laupman