Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

pour toi "D"

Acho que você merecia saber. Eu te amei !
Não um amor do tipo carnal,
Trêmulo,paixão ardente,sexual.
Nem tampouco amor meloso, das novelas e filmes românticos.
Não era amor platônico.
Meu amor por ti estava mais para uma pílula de sobrevivência, de uma carência de gente inteligente no meu intimo,ao meu redor.
Admiração?Talvez!
Sei que era um amor sábio, maduro, concreto, com objetivos iconoclastas.
Um amor a lá Simone de Beauvoir ou Madame staël
Tinha ares de volta ao passado.
Quando amar um homem ou uma mulher não siginificava necessariamente colóquio carnal
Mas, sim uma elevação espiritual, canônico, abnegado, retido e solitário.
Ele se alimentava silenciosamente de pequenos gestos de atenção,de palavras carinhosas, de compreensão e incentivo.
Ah! Meu adorável francês não se sinta constrangido ou intimidado. Meu amor por ti era meu.
Era meu cúmplice e aliado na luta contra o cigarro
Graças a ele eu conseguir e parei!
Foi o meu amor que me deu força,incentivo, afeto e resistência.
Um amor de mão única é bem verdade.
O objeto amado siquer desconfiava de ser alvo.
Não compartilhava.
Projeção, fantasia, ilusão,admiração... Ora dirão não foi amor, foi carência, solidão!
Não importa.Era o meu amor.
E isso me bastava para não sucumbir e cair nos braços dela.
Resolvir te revelar pois acho que é o mais honesto a fazer agora,
pois eu te usei de certa forma,sem você saber,mesmo que tenha sido por uma causa nobre.
Sem querer me deliciava com sua cumplicidade vaidosa diante das minhas provocações raivosas que no fundo só buscava um pouco de atenção de ti.
Eram carícias numa pele cheia de chagas!
Não queira entender o meu amor.
Ele foi um chafariz diante de um concreto no deserto da minha alma.
Uma flor de lótus nascida á focetps do meio do cimento asfaltico da cidade crua e solitária.
Meu amor não pedia nada,só existir para me salvar.
Tinha que amar alguém e eu escolhi você.
 Chacun a sés défauts. Perdoe-me!
“Son affection,son amitié,l’enchantait, um geste,um mouvement,une attitude nous renseigne parfois mieux que dês paroles. Merci por l’aide”

Pardon moi Français
Christina Viana
Enviado por Christina Viana em 06/12/2007
Reeditado em 14/12/2007
Código do texto: T767506

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Christina Viana, jornalista e escritora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Christina Viana
Salvador - Bahia - Brasil, 54 anos
25 textos (1536 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 16:19)
Christina Viana