Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noite, companheira da dores

Este vento suave da noite
que me toca a face com um certo afago
traz junto a ele teu perfume
provocando-me com um ímpeto desejável

Oh, minha linda e doce amada
teu encanto deleita meu coração dolente
faz da noite um simples momento
em que um homem vira um crédulo poeta

o frio congela-me a mente cansada
e dirijo-me ao meu leito, em pesadas lágrimas
deixando redigido sobre a velha mesa
sinceras palavras de quem 'inda ama
Epa Filho
Enviado por Epa Filho em 06/12/2005
Reeditado em 12/12/2005
Código do texto: T81602
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Epa Filho
Tarauacá - Acre - Brasil, 27 anos
37 textos (11225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 10:17)